FILTRAR

x

FILTROS

x

    LIMPAR

  • Abya-Yala

  • Arte/Educação

  • Brasilidades

  • Cultura Infância

  • Cultura Viva

  • Ecologias

  • Interfases

  • Letras e Literatura

  • Mapeadas

  • Mixada

    LIMPAR

  • 21 - Espaço habitado, território de criação

  • 20 - Podem as Práticas Artísticas Construir Territórios?

  • 19 - Zênite

  • 18 - Tecidos e tessituras da Cultura Popular

  • 17 - Recriação da Memória

  • 16 - Corpo Estendido

  • 15 - Educação como Política

  • 14 - Laboratório Rua

  • 13 - Florescer Criança

  • 12 - Mundaréu de Brincadeira

  • 11 - Leitura e Suas Tecituras

  • 10 - Em Trânsitos

  • 09 - Reinvenção da Educação

  • 08 - Outras Ecologias

  • 07 - Tear em Casa

  • 06 - Rememorar

  • 05 - A Cena e o Som

  • 04 - Arte da Palavra

  • 03 - Brincantes

  • 02 - Arte e Natureza

  • 01 - Arte e Cultura Popular

    LIMPAR

  • Arte da renda - 1º temporada

  • Arte do Barro

  • Arte do Fio

  • Diário do Quintal

  • Ecos da Palavra

  • Fios de Prosa com Simas

  • Intercâmbios Andarilhos

  • Memórias da Arte/Educação

Edição nº 21 ano II set. 2017
O espaço, por suas características e por seu funcionamento, pelo que ele oferece a alguns e recusa a outros, pela seleção de localização feita entre as atividades e entre os homens, é o resultado de uma práxis coletiva que reproduz as relações sociais. O espaço evolui pelo movimento da sociedade total. Inspirados pelas palavras de Milton Santos, nessa edição, pensamos os espaços de criação, possíveis porque coletivos.  
visualizar edição em pdf

Escrevivência de Conceição Evaristo

Episódio 1 da série ‘Ecos da Palavra’

Vai todo mundo no caminho de Mercadinho

Para florescer as  memórias da infância

Questão de Gênero

Palhaçarias em série

Amabilidade urbana

Marca da intervenção temporária na cidade contemporânea. Teria a amabilidade urbana relação com as características físicas do lugar, com as intervenções temporárias que ocorrem sobre esse espaço, ou com as pessoas que o utilizam?

Ciranda Brasileira, 15 anos de arte e vida

[Vídeo] O projeto para crianças e adolescentes de classes populares no Rio de Janeiro que virou programa de formação artístico-cultural para a vida inteira.  A fundadora do Instituto de Arte Tear apresenta vídeo sobre a experiência que se tornou referência em arte/educação.

A experiência invisível – Lilian Amaral

Entrevista com Lilian Amaral sobre o programa educativo da Bienal de artes de São Paulo

Almir Guineto

Suas músicas estão na nossa memória afetiva e marcam presença nas rodas de samba que se presem. Não por acaso, a história do músico é atravessada por importantes pessoas e comunidades culturais que fazem re-existir os movimentos diaspóricos africanos, nosso axé à brasileira.

A teimosa memória na encruzilhada do espaço público

Em uma sociedade grafocêntrica, como a nossa, parece “natural” que a memória escrita assuma certa simpatia com aqueles que dominam o código. Todavia, a nossa sociedade não é apenas uma, ocidental por antonomásia, como a pretendem suas elites, e não se narra apenas com palavras.  

Quando educação e pesquisa se integram ao cotidiano

Educação ambiental, fortalecimento da rede pública de ensino, desenvolvimento local, atividades arte-educativas com crianças em situação de vulnerabilidade social e um longo etc. Uma Universidade pensada estrategicamente para ser um espaço de encontro de jovens intelectuais pesquisadores da nossa América atua em bairros e escolas de Foz de Iguaçu, impactando mais de 115 mil pessoas […]